31 de maio de 2012

Depósito combustível móvel - bom exemplo

A Altri Florestal tem apelado os seus fornecedores de serviços de substituir os tradicionais bidons de combustível por depósitos homologados para o efeito. Tem-se verificado uma resposta positiva por muitos fornecedores, evidenciando o seu empenho na redução de riscos ambientais relacionados com as operações florestais.

Hoje, numa visita de campo a uma operação de corte no Vale Mouro, a empresa TimberTejo mostrou a sua solução, que passa por uma carrinha de caixa fechada, equipada com um depósito homologado de 200 litros:

Depósito de lado esquerdo
Também os restantes produtos e equipamentos são armazenados de forma organizada, garantindo condições de segurança e boa utilização.
Bomba com mangueira e agulheta
  Todo o equipamento cabe numa carrinha decaixa fechada, mantendo os produtos e equipamentos abrigados do sol e chuva, em condições de segurança e limpeza.
Carrinha de suporte às operações florestais

É caso para dizer: um bom exemplo!


Henk Feith

14 de maio de 2012

Workshop Gestão da Biodiversidade

No dia 10 de Maio, na bonita cidade de Vendas Novas, a Altri Florestal organizou um workshop dedicado ao tema Gestão da Biodivesidade.


Para o mesmo convidou um conjunto de partes interessadas que trabalham direta ou indiretamente com a gestão e conservação dos valores naturais.

Da parte da manhã, e, após a apresentação dos principais temas,
- Planos de Gestão de Biodiversidade (Espécies e Habitats)
decorreu uma breve consulta aos participantes sobre os principais aspetos da gestão florestal da Altri Florestal. 

Os comentários, sugestões e criticas foram recolhidos e serão tidos em conta pela entidade certificadora  durante a próxima auditoria ao Sistema de Gestão Florestal.

Da parte da tarde, o grupo visitou um projeto de rearborização na propriedade Azenha Pintada, onde teve a oportunidade de observar um conjunto de ações de restauro de áreas de conservação que decorreram paralelamente ao projeto de rearborização.

A propriedade insere-se no Sítio de Importância Comunitária Cabrela. Tivemos assim a oportunidade de discutir no terreno as medidas de gestão propostas no PGB e já implementadas, bem como, avaliar o efeito das mesmas na elevada dinânica da vegetação.

A Altri Florestal pretende repetir neste, ou em outro formato, estas iniciativas de comunicação pois, as mesmas, permitem um contacto mais direto com as suas partes interessadas através da discussão no terreno das nossas opções de gestão florestal.    

5 de maio de 2012

A floresta como local de culto


"A floresta como espaço de mistério, de forças ocultas e sentimentos conflituais excita a imaginação e o fantástico constituindo-se como fonte inesgotável de mitos, crenças, lendas, fábulas, contos infantis e contos de fadas, assim como espaço habitado por espíritos, uns bons e outros maus, uns visíveis e outros invisíveis, como as fadas, as ninfas, os troll, os ogres, as dríades, os faunos, os sátiros, os gnomos, os elfos, os lobisomens e o próprio diabo" Engº José Neiva Vieira, no seu artigo Árvores Florestas e Homens.

É relativamente frequente encontrarmos sinais de atividades de culto e rituais místicos nas nossas florestas, e a foto acima é um exemplo recente disso. Normalmente são brincadeiras inofensivas de adolescentes, mas ao mesmo tempo não deixam de fomentar uma certa ansiedade junto de pessoas mais sensíveis para os aspetos ocultos e crenças populares relacionadas com estes rituais.

A mim não me incomoda quando as pessoas recorrem à floresta para as suas atividades espirituais. Podiam, isso sim, levar a sua tralha para casa no fim da sessão...